Rádio Resistência

Notícias

10/01/2018

Comando Nacional dos Bancários define calendário de ações para 2018

O Comando Nacional dos Bancários fez o balanço de todas as atividades realizadas em 2017 e definiu um calendário de luta e uma agenda de encontro para 2018. O evento aconteceu no final de 2017, em São Paulo. Foram debatidos ainda o calendário de luta em defesa do emprego, dos direitos, da democracia, dos bancos públicos e do movimento sindical, além de ações de resistência. A proposta de agenda será levada para os sindicatos e federações de bancários e definida até o dia 31 de janeiro de 2018.

O recém-eleito presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Hermelino Neto participou dos debates. A reunião teve a presença do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), que fez uma apresentação sobre a atual situação do emprego bancário no país. Afirmou que o total de bancários retornou ao nível do ano de 1996, fechando o ano em 486 mil bancários, depois de 11 anos consecutivos de crescimento (de 2001 a 2012).

No encontro, Hermelino Neto denunciou a reforma da Previdência e reafirmou a necessidade de resistência dos trabalhadores e das trabalhadoras, em especial da categoria bancária, na defesa dos bancos públicos. Destacou também a importância de uma campanha para a escolha nas próximas eleições de candidatos comprometidos com a classe trabalhadora.

Veja abaixo o calendário de atividades

A proposta será discutida na próxima reunião do Comando, em 31 de janeiro:

31 de janeiro – Reunião do Comando Nacional dos Bancários
28 de fevereiro – Reunião do Comando Nacional dos Bancários
20 de março – Reunião do Comando Nacional dos Bancários
13 de abril a 20 de maio – Conferências Estaduais e Regionais
4 a 6 de maio – 3ª Conferência Nacional dos Financiários
18 a 20 de maio – Encontro Nacional do BNB, Itaú, Bradesco e Santander
1º a 3 de junho – CONECEF e CNFBB