Rádio Resistência

Notícias

16/08/2019

Bancários têm descanso semanal ameaçado

Mais do que nunca os bancários devem se unir às entidades sindicais contra os retrocessos que o governo quer impor. A MP 881 aprovada pela Câmara Federal revoga a lei 4.178/62 que proíbe a abertura de agências bancárias e outros estabelecimentos de crédito aos sábados e domingos.

Um verdadeiro ataque à jornada de trabalho da categoria. Mas, ainda há uma luz no fim do túnel. Graças à Convenção Coletiva de Trabalho, os bancários têm o direito garantido até 31 de agosto de 2020, quando termina a validade da CCT.

A medida provisória também permite o trabalho em feriados. Pior, sem que a empresa seja obrigada ao pagamento em dobro, desde que o trabalhador seja compensado com uma folga em outro dia da mesma semana.

Na prática, a chamada MP da liberdade econômica ameaça conquistas após duras negociações do movimento sindical. A medida, que agora está no Senado, também não vai aquecer a economia, nem gerar emprego, como justifica o governo.