Rádio Resistência

Notícias

15/10/2021

Em todo o país, assembleias marcadas para avaliar a proposta do Saúde Caixa

Negociações com a Caixa: segunda-feira (18/10), os temas discutidos serão teletrabalho e banco de horas, e no próximo dia 22, condições de trabalho

 

Em todo o país, o movimento bancário estará realizando entre os dias 25 e 26 de outubro assembleias específicas com funcionários e funcionárias da Caixa Econômica Federal, sobre o acordo de gestão de custeio do Saúde Caixa.

 

Durante a plenária dos empregados e empregadas da Caixa dos estados da Bahia e Sergipe, as lideranças sindicais apresentaram avanços na negociação com o banco. A plenária online promovido pela Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe foi realizada no último dia 13/10.

No encontro, os bancários e bancárias analisaram a proposta sobre a gestão e o modelo de custeio do plano de saúde, cujo foco é manter o modelo atual, com a cobrança de uma mensalidade a mais sobre o 13º salário para suplantar a necessidade de aumento da arrecadação em virtude do aumento da tabela de custos médicos.


O secretário geral da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, que integra a Comissão Executiva dos Empregados da Caixa, afirmou que a proposta não é a ideal, mas contempla aspectos importantes referente ao custeio do plano. “Em especial a manutenção dos princípios de mutualismo, solidariedade e pacto intergeracional, bem como trás avanços no tocante a nossa participação na gestão com o empoderamento do Conselho de usuários e do GT Saúde Caixa”.


Os principais pontos da proposta que está em discussão com o banco foram apresentados aos 191 trabalhadores que participaram do encontro pelos representantes da Feeb na CEE Caixa, Emanoel Souza e Sâmio Cássio. Ressaltaram o processo de negociação e os possíveis avanços na atual conjuntura do país, que possui um governo que investe na retirada de direitos dos trabalhadores.


Negociações
As negociações com a Caixa já estão agendadas.  Na segunda-feira (18/10), os temas discutidos serão teletrabalho e banco de horas, e no próximo dia 22, condições de trabalho.