Rádio Resistência

Notícias

15/06/2022

Pauta já está com a Fenaban. Primeira negociação será no dia 22

Nesta quarta-feira, os bancários entregaram também as pautas de reivindicações específicas da Caixa e do Banco do Brasil 

O Comando Nacional dos Bancários entregou a pauta de reivindicações da categoria à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) na tarde desta quarta-feira (15/6), em São Paulo. O encontro serviu também para definição das duas primeiras rodadas de negociação, que acontecem nos dias 22 e 27 de junho.

A cada dia cresce a expectativa da categoria para a campanha. O momento é de apreensão, pois todos sabem a importância de conseguir um bom acordo até o dia 31 de agosto, quando vence a atual Convenção Coletiva de Trabalho (CCT). Sem a ultratividade, derrubada pela reforma trabalhista, todos os direitos da categoria deixariam de ser garantidos a partir de 1º de setembro.

Definida nas conferências e referendada pelas assembleias desta terça-feira (14), a minuta de reivindicações prevê aumento real de 5% nos salários e demais verbas econômicas (INPC + 5%), reajuste maior para os vales refeição e alimentação, melhores condições de trabalho e manutenção dos direitos garantidos pela CCT. Saúde, emprego, fim da pressão por metas e do assédio moral também estão entre as prioridades apontadas pelos bancários.

Nesta quarta-feira, os bancários entregaram também as pautas de reivindicações específicas da Caixa e do Banco do Brasil.